quarta-feira, 30 de dezembro de 2009

As Bencãos de Deus no Novo Ano

"Mas a terra que passais a possuir éterra de montes e de vales: da chuva dos céusbeberão as águas; terra de que cuida o Senhor vosso Deus:os olhos do Senhor vosso Deus estão sobre ela continuamente,desde o princípio até o fim do ano."(Deuteronômio 11.11,12).


Estamos hoje, às portas do desconhecido. Diante de nós estende-se o ano novo; vamos conquistá-lo a cada dia. Quem poderá dizer o que teremos pela frente? Que mudanças virão, que novas experiências, que necessidades? Mas aqui está a mensagem de nosso Pai Celeste - mensagem de ânimo, de conforto, de contentamento: "...os olhos do Senhor vosso Deus estão sobre ela continuamente, desde o princípio até ao fim do ano."

Sim, do Senhor vem toda a nossa provisão. Nele encontramos a fonte que nunca seca; mananciais e ribeiros que jamais se estancarão. Em Cristo, ó ansioso, está a promessa cheia da graça que nos vem do Pai. E se Ele é a fonte das misericórdias, nunca nos faltará misericórdia. Nem calor, nem seca poderão pôr fim àquele rio, "cujas correntes alegram a cidade de Deus".

A terra está cheia de montes e vales. Não são só planícies, nem só declives. Se a vida fosse sempre a mesma, ficaríamos oprimidos com a sua monotonia: nós precisamos dos montes e dos vales. Os montes recolhem as chuvas para centenas de vales frutíferos. Assim acontece também conosco: é o monte da dificuldade que nos eleva ao trono da graça e nos traz de volta com chuvas de bênçãos.

Os montes, esses montes ásperos da vida, diante dos quais nos espantamos e contra os quais às vezes murmuramos, eles nos trazem águas. Quantos tem perecido no deserto, quando poderiam Ter vivido e prosperado em terra montanhosa! Quantos teriam sido abatidos pela neve, açoitados pelos ventos, despojados de suas flores e frutos, não fosse a proteção dos montes - rijos, duros, ásperos, tão difíceis de galgar! Sim, os montes de Deus são para o seu povo uma proteção contra os inimigos.

Não podemos Ter idéia do efeito que estão tendo em nossa vida as perdas, as dores, as aflições. Confiemos apenas. O Pai vem bem perto, para tomar a nossa mão e guiar-nos hoje pelo caminho. Será um bom, um abençoado ano novo!

Segue ao pé do bom Pastor Cada dia.

Nele tens todo o sustento.

Tudo de que necessitas

Na jornada: Cada dia.


Fonte: Mananciais no Deserto

domingo, 27 de dezembro de 2009

Obrigado por mostrar-me o quanto sou pobre!


Um dia, um pai de família rica, grande empresário, levou seu filho para viajar até um lugarejo com o firme propósito de mostrar o quanto as pessoas podem ser pobres.O objetivo era convencer o filho da necessidade de valorizar os bens materiais que possuía, o status, o prestígio social; o pai queria desde cedo passar esses valores para seu herdeiro.Eles ficaram um dia e uma noite numa pequena casa de taipa, de um morador da fazenda de seu primo...

Quando retornavam da viagem, o pai perguntou ao filho:

- E aí filhão, como foi à viagem para você?
- Muito boa papai.
- Você viu a diferença entre viver na riqueza e viver na pobreza?
- Sim pai!
– Retrucou o filho, pensativamente.
- E o que você aprendeu com tudo o que viu naquele lugar tão pobre? O menino respondeu:

- É pai, eu vi que nós temos só um cachorro em casa, e eles têm quatro. Nós temos uma piscina que alcança metade do jardim, e eles têm m riacho que não tem fim. Nós temos uma varanda coberta e iluminada com lâmpadas fluorescentes e eles têm as estrelas e a lua no céu.Nosso quintal vai até o portão de entrada e eles têm uma floresta inteirinha. Nós temos alguns canários numa gaiola e eles têm todas as aves que a natureza pode oferecer-lhes, soltas! O filho suspirou e continuou:

- E além do mais papai, observei que eles oram antes de qualquer refeição, enquanto nós sentamos à mesa e falamos de negócios, dólar, eventos sociais, daí comemos, empurramos o prato e pronto!No quarto onde fui dormir com o Tonho, passei vergonha, pois não sabia sequer orar, enquanto ele se ajoelhou e agradeceu a Deus por tudo, inclusive a nossa visita na casa deles.

Lá em casa, vamos para o quarto, deitamos, assistimos TV e dormimos.Outra coisa papai, eu dormi na rede do Tonho e ele dormiu no chão, pois não havia rede para cada um de nós. Na nossa casa colocamos a Maristela, nossa empregada, para dormir naquele quarto onde guardamos entulho, apesar de termos camas macias e cheirosas sobrando. Conforme o garoto falava, o pai ficava estupefado, sem graça e envergonhado.

O filho na sua sábia ingenuidade e o seu brilhante desabafo abraçou o pai e ainda acrescentou:- Obrigado papai, por ter me mostrado o quanto somos pobres!

Moral da hitória: Não é o que você tem, o que você faz ou onde está, que irá determinar sua felicidade; mas o que você pensa sobre isto. Tudo o que você tem, depende da maneira que você olha, da maneira que você valoriza. Se você tem amor e sobrevive nesta vida com dignidade tem atitudes positivas e partilha com benevolência suas coisas, então... Você tem tudo.

Fonte: PCamaral

quinta-feira, 24 de dezembro de 2009

Natal: Celebrar ou Não?

Tenho lido muitos artigos publicados na internet que são contrários à celebração natalina. Argumenta-se que o Natal seria uma festa pagã, travestida de celebração cristã. O dia 25 de dezembro era o dia do nascimento do deus Sol, Mitra. Com a adesão do imperador romano ao cristianismo, a data foi cristianizada, tornando-se a data oficial de comemoração do natal de Jesus.

Para alguns, tudo isso não passa de paganismo. Algumas igrejas sequer comemoram a data. Preferem celebrar as festas judaicas, em um claro retorno às raízes hebréias, e à prática da Lei Mosaica. Árvore de Natal tornou-se símbolo de idolatria; há quem diga até que sua silhueta lembra a imagem da Senhora Aparecida!

Ok! Antes de aderir a esse modismo, que tal ponderar um pouco? Tirando Jesus do Natal, o que sobra? Não estaria isso à serviço do funesto império das trevas? Como se não bastasse a figura do Papai Noel a usurpar o centro das atenções, os cristãos resolveram dessacralizar a data.

Natal deixa de ser o nascimento de Jesus, e passa a ser... mais uma festa pagã. O deus Sol agradece. Estamos devolvendo a ele, o que lhe foi tomado. Há projetos de lei nos Estados Unidos querendo acabar com o feriado de Natal, por acreditar que sua celebração fira a liberdade de culto, menosprezando outras tradições religiosas.

Muitos cristãos têm se manifestado lá em favor da manutenção do feriado natalino. Mas aqui, são os próprios cristãos que resolveram tomar a contra-mão, e se manifestarem contrários ao Natal. Em vez de cantatas, silêncio. Em vez de peças teatrais falando do nascimento do Salvador, vazio. Nada de presentes, nem Ceia Natalina, nem árvores...

Há, porém, uma contradição aqui. Os mesmos crentes que se recusam a celebrar o Natal, insistem em celebrar a passagem do Ano Novo. Ora, se formos coerentes em nosso raciocínio, devemos adotar o calendário judeu, e deixar pra comemorar o novo ano mais tarde. Devemos adotar o ano lunar, em vez do solar. Nosso calendário solar honra o deus Sol! E o que dizer dos meses do ano? Deveríamos riscar de nossas folhinhas os meses de Julho e Agosto, pois os mesmos foram criados para honrar imperadores romanos que se diziam deuses, Júlio e Augusto.
E o que dizer dos dias da semana que honram o panteão romano? Pelo menos em inglês e em espanhol. Parece que nosso idioma saiu ileso dessa.

Os mesmos crentes que se negam a celebrar o Natal, por achar que é fruto do sincretismo entre o cristianismo e o paganismo, vão para as praias festejar a entrada do Ano Novo, e montam tendas ao “Pai das Luzes”, para tentar evangelizar os espíritas que vão fazer suas oferendas aos Orixás.

Ora, se Paulo pôde enxergar em um espaço cúltico (altar) oferecido a uma divindade desconhecida, um lugar de adoração ao Deus cristão, por que não poderíamos enxergar em uma data pagã uma oportunidade de adorarmos a Deus, dando-Lhe graças por nos haver enviado Seu Filho Jesus?

Desde já, desejo a todos um Feliz Natal e um Surpreendente Ano Novo!

Em tempo: a árvore de natal foi inventada pelo grande reformador protestante Martinho Lutero. Ele escolheu o prinheiro por ser a única árvore capaz de resistir ao intenso frio do inverno Alemão, sem perder suas folhas. As bolas com que enfeitou a primeira árvore natalina representava, segundo ele, os frutos do Espírito na vida cristã.


Fonte: Hermes Fernandes

segunda-feira, 21 de dezembro de 2009

Histórias de Charles Haddon Spurgeon



A mulher que pensava não amar a Cristo

Charles Spurgeon conta a experiência vivida ao visitar uma mulher cuja fé, uma vez brilhante, havia sido encoberta por uma nuvem que provocara um eclipse total. Disse ela a Spurgeon: "Minha fé acabou. Eu não sinto mais qualquer amor verdadeiro por Cristo."Spurgeon era um homem sábio. Ele não discutiu e nem rebateu o que a senhora lhe havia dito. Apenas pegou uma folha de papel e dirigiu-se até a janela. Nele ele escreveu: "Eu não amo o Senhor Jesus Cristo."

Retornando ao lugar onde estava a mulher, deu-lhe o papel e o lápis e falou: "Assine isto." Ao ler o que estava escrito ela começou a chorar. "Não é verdade. Eu não vou assinar e sim rasgar em muitos pedaços." Spurgeon disse: "Você disse que não o amava." Ao que ela respondeu: "Sim, mas eu não posso assinar isto." "Bem, então," prosseguiu Spurgeon, "eu concluo que, pelo contrário, você o ama afinal." "Sim, sim," ela exclamou, "eu percebo isto agora! Eu o amo. Cristo sabe que eu O amo!"Nenhuma pessoa, tendo tido uma experiência pessoal com o Senhor Jesus, é capaz, mesmo diante das agruras que a vida oferece, de deixar de amá-lo um instante sequer.

Ele se deu por todos nós, sofreu aflições muito maiores, para transformar nosso viver e nos dar vida com abundância. É possível que haja pessoas que, mesmo vivendo longos anos dentro de uma igreja, cantando no coro, participando das reuniões de oração e evangelismo, nunca tenham tido uma experiência pessoal com o Salvador. Esses não sentiram o amor do Senhor e não vivenciaram a maravilha de poder amá-lo.

Mas, com toda a certeza, tanto esses como aqueles que nem mesmo estiveram participando de algum grupo cristão, ao se colocarem na presença do Senhor e sentirem as carícias de seu amor, jamais dele quererão se afastar e nem seriam capazes de assinar aquele papel escrito por Spurgeon. O amor de Cristo colocado em nossos corações dura para sempre e não há nada neste mundo que possa substituí-lo ou ocupar o seu lugar.

sexta-feira, 18 de dezembro de 2009

Famosos que Desafiaram a Deus

Muitos outros homens importantes também se esqueceram que a nenhum outro nome foi dada tanta autoridade como a que há no nome de JESUS. Não esqueça disso: Muitos morreram, mas somente um ressuscitou e está vivo até hoje: Jesus!



Fonte: Não Abro Mão da Graça

quinta-feira, 17 de dezembro de 2009

Ausência de Perdão Produz Tormento


“E, indignando-se, o seu senhor o entregou aos verdugos, até que lhe pagasse toda a dívida.”(Mateus 18: 23 a 35).

Os verdugos não eram simplesmente guardas da prisão, mas carrasco que tornavam a vida do prisioneiro mais amarga que com uma vara ou um chicote, espancavam diariamente os criminosos e os atormentadores constantemente.

Verdugos = Atormentadores.

O principio básico que o Senhor Jesus quer nos ensinar aqui, é que aquele que se recusa a perdoar, que oculta a raiva, o rancor, a mágoa em seu coração em relação à outra pessoa, será atormentado por pensamentos e sentimentos ou por uma intranqüilidade interior.

Ausência de perdão gera diversos verdugos (atormentadores):

1 – Verdugos Emocionais: Uma vida azeda, amarga, fechada, desconfiada, que não consegue se abrir com ninguém, vivendo irritado, etc...

2- Verdugos Físicos: Sugerem enfermidades. O salmista no Salmo 32 nos fala que enquanto ele guardava o pecado escondido, sentia seus ossos envelhecerem, havia gemidos, e seu vigor tinha se tornado em sequidão, ou seja, seco- sem água, que a refrigera, umedece e lava.

3 – Verdugos Espirituais: Ou seja, uma relação obstruída com Deus. Mateus 5.23,24. “Te lembrares”, ou seja, ele estava tentando estabelecer uma comunhão com Deus, uma relação mais intima e sua consciência o acusou. Ele se lembrou que existia uma diferença com um irmão e teria agora que parar tudo, deixar ali a sua oferta e ir primeiro acertar as contas com este irmão, caso contrário o culto não seria aceito, devido à relação dele com Deus está obstruída.

Conclusão: Amados, nada que o homem possa nos fazer, compara-se ao que temos feito a Deus! E que continuamos a fazer diariamente. E se Deus tem perdoado nossas dívidas para com Ele, como podemos deixar de oferecer este perdão aos outros que, comparativamente, nos devem tão pouco. Tudo que venhamos fazer no sentido de perdão não passa de sombra da Divida que lhe foi perdoada na Cruz!

Lembre-se: Você é o Alvo do Amor de Deus!

terça-feira, 15 de dezembro de 2009

Pulseiras do Sexo - Alerta aos pais e pastores


À primeira vista, uma colorida pulseira de plástico nos pulsos de crianças parece inocente.
Mas na realidade elas são um código para as suas experiências sexuais, onde cada cor significa um grau de intimidade, desde um abraço até ao sexo propriamente dito.

Poderia confundir-se com mais uma daquelas modas que pega, uma vez que é usado por milhares em várias escolas primárias e preparatórias no Reino Unido e custam apenas uns centavos em qualquer banca ao virar da esquina.

Mas as diferentes cores das ditas pulseiras de plástico – preto, azul, vermelho, cor-de-rosa, roxo, laranja, amarelo, verde e dourado – mostra até que ponto os jovens estão dispostos a ir, se proporcionar, desde dar um beijo até fazer sexo.

Andam uns atrás dos outros nos recreios das escolas, na tentativa de rebentar uma das pulseiras. Quem a usava terá de “oferecer” o ato físico a que corresponde à cor. É o “último grito” do comportamento promíscuo que sugere, cada vez mais, que a inocência da infância pertence a um passado distante.

Quase tão chocante como as “festas arco-íris” – encontros com muito álcool e droga à mistura, em que as meninas usam batons de cores diferentes para deixar a “marca” nos rapazes após o sexo oral -, as “pulseiras do sexo”, que custam apenas um euro (um pacote com várias), têm um custo maior que foge ao alcance de muitos pais.

Significado das cores:

» Amarela – é a melhor porque significa das um abraço no rapaz;
» Laranja – significa uma “dentadinha do amor”;
» Roxa – já dá direito a um beijo com língua;
» Cor-de-rosa – a menina tem de lhe mostrar o peito;
» Vermelha – tem de lhe fazer uma lap dance;
» Azul – fazer sexo oral praticado pela menina;
» Verdes – são as dos chupões no pescoço;
» Preta – significa fazer sexo com o rapaz que arrebentar a pulseira;
» Dourada – fazer todos citados acima;


Símbolo de respeito

Como quase em tudo nestas idades, existe um estigma por detrás das pulseiras: quem não as usar é excluído e quem usar as cores preto e dourado é mais respeitado. “No meu grupo da escola, a líder – que serve de exemplo para todos – só usa pulseiras pretas e douradas. Todos os rapazes da minha turma usam pretas e se uma rapariga também usa, eles gostam todos dela”, conta a criança de 12 anos.

Shannel Johnson, de 32 anos, descobriu através da filha, de oito, o significado das pulseiras e admitiu ao The Sun que nunca suspeitaria do código subjacente. Quando a filha Harleigh lhe disse que se alguma rebentasse, tinha de fazer um “bebe com um rapaz”, Shannel teve uma conversa com a filha, chamando-a à realidade.

Esta mãe, preocupada, começou a pesquisar na Internet e descobriu sites onde se vendiam as pulseiras, grupos no Facebook e fóruns de menores a discutir quem usava que cores. Enquanto alguns pais já confiscaram as pulseiras, muitos continuam na ignorância do significado destes acessórios aparentemente da moda.

Nota do Blog: talvez a moda de usar as pulseiras do sexo no Brasil não leve a extremos, incitando erotização em crianças com idade a qual se deveria estar brincando como outra qualquer. Mas vale o alerta, pois devemos ensinar e a todo tempo instruir nossos filhos. Alertem, na Escola Bíblica Dominical o risco e a exposição que os jovens poderão sofrer ao usar essas pulseiras diabólicas.


Fonte: Macgoo

domingo, 13 de dezembro de 2009

Como, Por Que e Quando Satanás caiu do céu?


A queda de Satanás do céu é descrita em Isaías 14:12-14 e Ezequiel 28:12-18. Enquanto essas duas passagens estão se referindo especificamente ao rei da Babilônia e ao Rei de Tiro, elas também se referem ao poder espiritual por trás daqueles reis – Satanás. Em relação a quando Satanás caiu, essas passagens dizem o porquê da queda de Satanás, mas não dizem especificamente quando a queda ocorreu.

O que sabemos é isto: os anjos foram criados antes da terra (Jó 38:4-7). Satanás caiu antes de tentar Adão e Eva no Jardim (Gênesis 3:1-14). A queda de Satanás, portanto, deve ter ocorrido depois dos anjos terem sido criados e antes da tentação de Adão e Eva no Jardim do Éden. Quer sua queda tenha ocorrido alguns minutos, horas ou dias antes de tentar Adão e Eva no Jardim, a Bíblia não diz especificamente.O livro de Jó nos diz que, pelo menos por um tempo, Satanás ainda tinha acesso ao céu e ao trono de Deus.

“E num dia em que os filhos de Deus vieram apresentar-se perante o SENHOR, veio também Satanás entre eles. Então o SENHOR disse a Satanás: Donde vens? E Satanás respondeu ao SENHOR, e disse: De rodear a terra, e passear por ela” (Jó 1:6-7). Pelo menos daquela vez, Satanás ainda estava aparentemente se movendo livremente entre o céu e a terra, falando com Deus diretamente e prestando contas das suas atividades. Em que ponto Deus quebrou esse acesso, não sabemos.Por que Satanás caiu do Céu? Satanás caiu por causa do seu orgulho. Ele queria ser Deus, não Seu servo. Note tudo que Satanás queria fazer em Isaías 14:12-15.

Ezequiel 28:12-15 descreve Satanás como um anjo excessivamente bonito. Satanás provavelmente era o anjo de classe mais alta do que todos os outros anjos, o mais bonito de todas as criaturas de Deus, mas não estava contente com sua posição. Ao invés, Satanás queria ser como Deus, para expulsar Deus de Seu trono e reinar no universo. Satanás queria ser Deus, e é interessante notar que isso foi o que Ele usou para tentar Adão e Eva no Jardim do Éden (Gênesis 3:1-5). Como Satanás caiu do Céu? Na verdade, uma queda não é uma descrição correta. Seria mais correto dizer que Deus expulsou Satanás do Céu (Isaías 14:15; Ezequiel 28:16-17).

Imagem: Iluminalma

quinta-feira, 10 de dezembro de 2009

Voltemos ao Evangelho


Não sou saudosista. Mas devo admitir que foi-se o tempo em que o púlpito não era palco nem palanque, e a congregação não era platéia, nem tampouco o pastor era considerado um showman.
Foi-se o tempo em que cantores que se dedicavam a louvar a Deus não tinham fã clube, e nem sabiam o que significa tietagem após sua apresentação. Mesmo porque, não havia performance, e sim, culto. Todos os holofotes eram voltados para Deus. E os únicos aplausos que esperava ouvir vinham dos céus.

O sonho de conquistar o mundo para Cristo foi substituído pelo sonho de tornar-se num mega-star gospel. O dinheiro antes investido para enviar missionários para o campo, agora é usado na construção de suntuosas catedrais, com suas cadeiras acolchoadas, para oferecer conforto à crentes almofadinhas.

Mas tudo isso está prestes a acabar. O mercado gospel está ficando saturado. Ninguém suporta mais patrocinar os projetos megalomaníacos dessas estrelas.Cada vez mais, os cristãos estão se conscientizando de que seu papel não é o de manter esta indústria religiosa, que se apresenta como ministérios, e sim, de trabalhar pela transformação do mundo.

Chega de fogueiras santas!
Chega de fogueiras de vaidade!
Chega de estratégias evangelísticas mirabulantes.

Que o importante seja o que é certo, e não o que dá certo.Chega de busca por títulos e fama. Que se busque servir em vez de ser servido.Voltemos ao velho e bom Evangelho, sem invencionices. Voltemos ao discipulado, sem a pressão pela multiplicação. Deixemos que Ele acrescente em número, enquanto nós focamos a qualidade de nossa vivência cristã.

E que os milagres aconteçam em ambientes domésticos e seculares, no dia-a-dia, e não a granel, no atacado, como tem sido anunciado nos programas neo-pentecostais. Está chegando o tempo em que o Evangelho será espalhado por toda a Terra, não através de eventos extraordinários, marchas, cruzadas, mas através de gente anônima, ilustres desconhecidos, que ofuscarão o brilho daqueles que se acham indispensáveis na expansão do Reino de Deus, e isso, sem chamar a atenção para si.

Pronto! Falei! Estava entalado...Viva o novo tempo!

Fonte: Exejegues (título adaptado)

terça-feira, 8 de dezembro de 2009

Aberração: Deus de Pelúcia à venda


Por "apenas" R$ 28 reais você poderá adquirir o Deus de Pelúcia! Isso mesmo que você leu!A aberração está entrando à todo vapor no mercado dito evangélico. E, o pior, sendo aceita...
Essa é uma visão que muitos empresários “cristãos” apresentam, de maneira direta ou indireta. O Senhor Jesus é simplesmente um mero produto, bem vendável. Ora, nada mais infernal, não é verdade? Como alguém ousa negociar o mais precioso dos nomes? É muito atrevimento demoníaco!


É encontrado aqui.

Nota do Blog: Sabemos que o "deus de pelúcia" é um boneco de um personagem de quadrinhos de um blog, que personifica um Deus sem jeito, manipulado pelos personagens homens. Em minha visão não compactuo com idéias que venham satirizar ou blasfemar Deus, o Criador, por isso minha aversão a esse boneco. Sei também que o autor do blog não é evangélico, porém o boneco tem aceitação entre cristãos não observantes da Bíblia.

Sou cristão e não aceito também como pastores tem vendido de tudo na igreja e televisão em nome de Deus. É isso.

segunda-feira, 7 de dezembro de 2009

Jesus nos Tempos de Hoje

Jesus consolando um executivo falido. Jesus conversando com um oficial nazista. Jesus acompanhando um jogo de pôquer. Para mostrar que a mensagem cristã continua atual, um fotógrafo que fez carreira no mundo da moda escolheu, para um projeto multimídia, um carpinteiro cuja roupa mais elaborada é uma túnica folgada.Desde o início do Cristianismo, é comum o uso de imagens para passar os ensinamentos do Evangelho. O que Michael Belk fez foi trazer Jesus para circunstâncias da modernidade. A re­­portagem da Gazeta do Povo mostrou as fotos de Journeys with the Messiah para padres e pastores, que aprovaram a ideia. “Je­­sus é verdadeiro Deus, mas também verdadeiro homem.

Belk conseguiu transmitir o que deve ter sido esse homem Jesus e o que Ele pode significar para nós”, diz o padre Alexsander Lopes, assessor do Setor Juventude da Arqui­diocese de Curitiba. Belk conta que já tinha uma carreira estabelecida quando se sentiu “provocado” por Deus. “Ele me perguntava o que eu estava fazendo com o que eu tinha conseguido”, afirma, em entrevista por e-mail à Gazeta do Povo. Daí veio a ideia de fotografar Jesus. Belk escolheu Sassi di Matera, a mesma cidade italiana onde Mel Gibson filmou A Paixão de Cristo, e encontrou um ator italiano para fazer o papel de Jesus. Tudo foi bancado por Belk e sua mulher.



Mais fotos AQUI
Fonte: O Verbo

sexta-feira, 4 de dezembro de 2009

Pastor ex-homossexual participa do programa “Nada Além da Verdade”, do SBT e ganha o prêmio máximo

Na quinta-feira (26/11) o programa ‘Nada além da verdade’, ancorado pelo apresentador Ratinho, recebeu um participante diferente. Um pastor ex-homossexual resolveu desafiar o detector de mentiras e revelar detalhes de sua vida em rede nacional.

O programa que tinha tudo para ser vergonhoso e polêmico acabou se tornando uma ótima oportunidade de evangelização. O Pastor Júnior foi submetido a uma série de perguntas e não só foi capaz de responder a verdade, como dar um show de bíblia e rebater os argumentos de Ratinho e calar as vaias e reações negativas da platéia.

O nível das perguntas foi muito baixo e a maioria delas envolvia questões de homossexualismo ou evidenciava os conceitos errados que muitas pessoas tem contra os evangélicos. “Você acha que os gays vão para o inferno?”, “É pecado fazer sexo antes do casamento?”, “Ser assanino é um pecado pior do que ser homossexual?”, “É possível um homem viver sem pecar?”, “Sua esposa conhece todo o seu passado?” e etc.

Indagado e pressionado por Ratinho, o Pastor não se deixou ceder e as suas respostas certeiras muitas vezes deixaram o polêmico apresentador calado. Resultado: Júnior foi aprovado no detector de mentiras e junto com sua esposa recebeu o prêmio máximo do programa.
Por trás de uma figura bastante simples e humilde, os que assistiram o programa puderam ouvir palavras ousadas e inspiradas pelo Espírito Santo, que com certeza serviram para tirar dúvidas e preconceitos de muita gente.

Veja Nada Além da Verdade com Pastor ex-homossexual que venceu o detector de mentiras:








Fonte: Gospel +, via Inforgospel

quinta-feira, 3 de dezembro de 2009

Leila Lopes: de evangélica a atriz pornô


A atriz Leila Lopes, 40 anos, foi encontrada morta em sua casa, no bairro do Morumbi, na zona sul de São Paulo, na madrugada desta quinta-feira (3). O Corpo de Bombeiros recebeu um chamado por volta de 0h58 e, ao chegar ao local, encontrou o corpo da atriz. Leila teria sofrido uma parada cardiorrespiratória. Segundo o Corpo de Bombeiros, a equipe que atendeu o chamado realizou os procedimentos para reanimá-la, mas não obteve sucesso. O boletim de ocorrência foi registrado no 89º Distrito Policial.

Ela não gostava do ambiente tenso da Rede Globo quando encarnava a personagem Suzana na novela O Rei do Gado, em 1996. Conheceu a Sara Nossa Terra pelas mãos de amigos: “A igreja tem postura flexível. Não preciso recusar papéis ou deixar de trabalhar por causa da religião. Ela [a igreja] aceita inclusive que eu faça cenas íntimas”.

A atriz protagonizou um vídeo intitulado “O Limite da Morte”, que se transformou em um sucesso no site YouTube. Em entrevista para um canal evangélico, a atriz relata o acidente de carro que sofreu acompanhada de sua empresária, ocorrido na época em que ela gravava as cenas da novela “O Rei do Gado” (1996). “É a sensação de rodar e rodar, sem saber pra onde eu estava indo. Como se já estivesse no céu”, declarou Leila.


Nota do Blog: realmente não consigo entender como pode uma pessoa se dizer evangélica e, após a "conversão" se dispor a fazer filmes pornográficos. Essa pessoa não pode ter realmente conhecido a Cristo, pois quem está nEle, nova criatura é, todas as coisas se fazem novas. Segundo Leila, a igreja que frequentava, Sara Nova Terra, não lhe proibia de atuar e até de fazer cenas íntimas. Fazia o que não era certo e tinha o o respaldo da igreja para tal. Não sei que evangelho é esse. Gostaria que o título dessa postagem fosse: Leila Lopes - de atriz ponô a evangélica.

Atualização 8/12/09: A família da atriz Leila Lopes divulgou trechos de uma suposta carta deixada por ela. Veja:

"Eu não me suicidei, eu parti para junto de Deus. Fiquem cientes que não bebo e não uso drogas, eu decidi que já fiz tudo que podia fazer nessa vida. Tive uma vida linda, conheci o mundo, vivi em cidades maravilhosas, tive uma família digna e conceituada em Esteio, brilhei na minha carreira, ganhei muito dinheiro e ajudei muita gente com ele. Realmente não soube administrá-lo e fui iludibriada [sic] por pessoas de má fé várias vezes, mas sempre renasci como uma fênix que sou e sempre fiquei bem de novo. Aliás, eu nunca me importei com o ter. Bom, tem muito mais sobre a minha vida, isso é só para verem como não sou covarde não, fui uma guerreira, mas cansei. É preciso coragem para deixar esta vida. Saibam todos que tiverem conhecimento desse documento que não estou desistindo da vida, estou em busca de Deus. Não é por falta de dinheiro, pois com o que tenho posso morar aqui, em Floripa ou no Sul. Mas acontece que eu não quero mais morar em lugar nenhum. Eu não quero envelhecer e sofrer. Eu vi minha mãe sofrer até a morte e não quero isso para mim. Eu quero paz! Estou cansada, cansada de cabeça! Não agüento mais pensar, pagar contas, resolver problemas... Vocês dirão: Todos vivem!!! Mas eu decidi que posso parar com isso, ser feliz, porque sei que Deus me perdoará e me aceitará como uma filha bondosa e generosa que sempre fui." (Folha Online)

Fonte: Terra, Isto É Gente , O Verbo

Valdemiro Santiago X RR Soares


O missionário R.R. Soares, líder da Igreja Internacional da Graça, deverá deixar o horário nobre da Bandeirantes a partir de janeiro. Valdemiro Santiago, da Igreja Mundial do Poder de Deus, vai pagar mensalidades de R$ 3 milhões pelos horários de R.R. Soaraes na CNT, que não teve contrato renovado.

A decisão editorial já estaria tomada, mas a Band ainda esbarraria na viabilidade comercial da ideia -exatamente o que impediu a substituição do religioso em outros anos em que ela chegou a ser ensaiada.O “Show da Fé” ocupa desde janeiro de 2003 o horário das 21h às 22h -o mais nobre da televisão, que coincide, por exemplo, com o da exibição da principal novela da Globo.
Pela faixa, R.R. Soares -que ainda tem programa no final da tarde na Rede TV! e em sua própria emissora, a RIT (46 UHF)- paga mais de R$ 4 milhões mensais à Band.

O contrato entre o missionário e a emissora vence no final de dezembro. As negociações estão sendo conduzidas pela alta cúpula da Band. Há cerca de 40 dias, o presidente da rede, Johnny Saad, foi à igreja de R.R. Soares. À Folha, fontes ligadas à igreja disseram que são remotas as chances de o horário ser mantido.

A principal alternativa em estudo é transferir o “Show da Fé” para a madrugada e ocupar o espaço com as séries compradas pela Band. A estratégia de exibir séries no horário nobre tem dado resultado no SBT.

CNT

A CNT, no Rio de Janeiro, tinha muitos de seus horários ocupados pela Igreja Internacional da Graça de Deus, de RR Soares. Recebia R$ 2 milhões por mês. Contrato vencido, espaço perdido. Valdemiro Santiago, da Igreja Mundial do Poder de Deus, com adiantamento de luvas e mensalidade de R$ 3 milhões, agora tem, com a sua igreja, exclusividade na programação da emissora.

Parte do dinheiro, inclusive, já foi utilizada na reforma do prédio da emissora no Rio. O apóstolo Valdemiro, com seu reluzente 4×4, agora passou a ser um dos frequentadores mais assíduos da CNT. Aliás, utilizando-se de um helicóptero dos mais modernos, Valdemiro Santiago conheceu na semana passada uma de suas novas propriedades na zona norte carioca.

Renascer

A Igreja Renascer, que já tem uma televisão, segue comprando horários em outras emissoras.
Na RedeTV!, por exemplo, vai ao ar todos os domingos, logo depois do almoço. Neste último, a pregação ficou a cargo da bispa Sônia Hernandes.

terça-feira, 1 de dezembro de 2009

Meu namoro é da vontade de Deus?


Muitas pessoas carregam no coração uma grande dúvida com relação à vida sentimental. Ou seja, como saber se esta ou aquela pessoa é a que Deus separou para mim? Como saber se este namoro é de Deus? Venho fornecer algumas dicas a este respeito. São dicas baseadas em experiências e orientações contidas na Palavra de Deus.

1ª dica – Os Frutos

Como disse Jesus, uma boa árvore se conhece pelos frutos “Portanto, pelos seus frutos o conhecereis” (Mateus 7:20). Assim, veja se o rapaz ou a moça é um servo de Deus, analise o seu comportamento, a sua vida com o Senhor. Cuidado, pois existem muitos lobos vestidos de ovelhas. Certa vez eu namorei um rapaz e chegamos a ficar noivos. No começo ele me acompanhava no trabalho da igreja. Depois que ficamos noivos, disse que precisávamos dar um tempo da igreja e começou a querer me impedir de exercer meu ministério. Ou seja, começou a apresentar maus frutos. Eu então decidi terminar o namoro embora gostasse muito dele.

Melhor fazer a vontade de Deus do que fazer a vontade dos homens, não é mesmo? Assim, ao namorar alguém precisamos verificar com atenção os seus frutos. É preciso tomar cuidado quanto a isto, pois muitas vezes, por estarmos envolvidos sentimentalmente, não prestamos a atenção neste aspecto. Criamos uma certa ilusão e nos esquecemos de analisar os frutos da pessoa. Por este motivo, analise friamente os frutos da pessoa que está se envolvendo. Veja a sua vida na igreja e especialmente em casa, se é um bom filho ou boa filha, analise também o seu comportamento profissional, etc. É muito fácil ser cristão na igreja, os verdadeiros frutos são revelados no dia a dia, nos bastidores.

2ª Dica – A Paz

A Palavra de Deus diz que a “paz” deve ser o árbitro em nossos corações “Seja paz de Cristo o árbitro em vosso coração” (Col. 3:15). O árbitro é aquele que resolve uma questão, que direciona. Ou seja, a paz deve ser o indicativo se o relacionamento é ou não da vontade de Deus. Assim, se o namoro é algo que rouba paz, que leva a pessoa a ficar distante de Deus, que traz inquietação, perturbação, cuidado pois há algo de errado. Lutas e obstáculos sempre existirão, enfim, lutas externas e até desentendimentos esporádicos causados por diferenças de opiniões. Todavia, se o relacionamento rouba a sua paz interior, especialmente a sua comunhão com Deus é um grande indício que de o Senhor não está nesse relacionamento.

3ª dica – É paixão ou amor?

Um outro aspecto relevante é questão da diferença entre amor e paixão. Às vezes nos envolvemos numa paixão e nos machucamos achando que é amor. Paixão é algo avassalador, que nos leva a perder a razão, a lógica e até o temor de Deus. O amor, ao contrário, já é um sentimento maduro, consciente, nasce aos poucos, se desenvolve com o tempo e vai se fortalecendo diante das dificuldades. A paixão á algo passageiro, não resiste à distância, esfria, não espera. O amor, ao contrário, permanece “o amor tudo sofre, tudo crê, tudo espera e tudo suporta” (I Cor. 13:07). O amor sabe esperar o momento certo para o sexo (o casamento).

A paixão não, pois é pura emoção. Para exemplificar esta questão, cito, como exemplo, o sentimento de Amnon por Tamar (II Samuel 13) e o sentimento de Jacó por Raquel (Gênesis 29). Amnon se apaixonou por Tamar, sua irmã. Após ter tido relações sexuais com ela, a deixou friamente. Quantos jovens abandonam moças grávidas após satisfazer os seus desejos sexuais?! Jacó, por sua vez, amou a Raquel e o seu amor o fez esperar 7 anos até finalmente tê-la em seus braços. Além disso, trabalhou mais 7 anos para poder estar ao lado de sua amada definitivamente.

4ª dica – Enriquecimento

A Palavra de Deus afirma que a benção do Senhor enriquece e não acrescenta dores (Prov. 10:22). O namoro que é da vontade de Deus traz um enriquecimento mútuo. Ou seja, traz um enriquecimento na área espiritual, profissional, familiar, etc. Deus que ama e cuida de nós certamente colocará alguém em nosso caminho que nos abençoe, que tenha algo de bom a acrescentar em nossa vida, que nos ajude a dar continuidade aos nossos sonhos. Lamento muito quando vejo jovens se envolvendo sentimentalmente com pessoas que nada têm a acrescentar em suas vidas. Ao contrário, são pessoas que surgem para roubar a paz, o futuro e para trazer dor e destruição. O namoro, em caso como estes, se torna um verdadeiro sofrimento.

5ª dica – Convicção

Jesus certa vez disse que a palavra do cristão tem de ser sim, sim ou não, não e que tudo o que passar disso é de procedência do maligno (Mateus 5:37). Neste caso, o namoro aprovado por Deus é algo certo, definido e não indeciso. Quando o relacionamento é envolto por inseguranças e incertezas, algo está errado e precisa ser revisto, pois a dúvida não procede de Deus. Por isso, ao relacionar-se sentimentalmente com alguém é preciso pedir ao Senhor a confirmação sobre o namoro. Se não houver certeza, ore bastante e busque a direção de Deus e se preciso for, abra mão do relacionamento antes que alguém se machuque.

Jamais se relacione com alguém sem que haja essa confirmação, essa convicção sobre os seus sentimentos. Entenda que um casamento é para toda vida. Afinal de contas, você está namorando pensando no futuro, fazendo planos para formar uma família. Se a sua visão é apenas ficar, passar o tempo, reavalie profundamente os seus conceitos, pois este não é o plano de Deus para o namoro.
Aos solteiros, aconselho a que não se atemorizem com o tempo, pois vale a pena esperar em Deus. E como descrito em Eclesiastes 3, existe um tempo determinado para todo propósito debaixo do céu. Assim, o melhor a fazer é buscar a Deus, crescer espiritualmente e profissionalmente. Enfim, adquirir maturidade em todos os aspectos para que quando chegar o tempo de construir uma família, você possa ter uma estabilidade espiritual, emocional e material.

Autor: Pra. Ioná Loureiro
Fonte: Sexo Cristão

segunda-feira, 30 de novembro de 2009

Pregação Pr. Paul Washer: Cristãos Radicais

Mais uma pregação impactante do Pr. Paul Washer. A centralidade em Cristo (absoluta, extrema e radical) de suas mensagens são um bálsamo para a alma.

sexta-feira, 27 de novembro de 2009

O Tempo que Foge

O Pr. Ricardo Gondim é o autor deste texto, que foi atribuído a Mário de Andrade e Rubem Alves. Posso não concordar com tudo que nele está escrito, mas é de uma beleza maravilhosa.

Contei meus anos e descobri que terei menos tempo para viver daqui para frente do que já vivi até agora. Sinto-me como aquele menino que ganhou uma bacia de jabuticabas. As primeiras, ele chupou displicente, mas percebendo que faltam poucas, rói o caroço.

Já não tenho tempo para lidar com mediocridades. Não quero estar em reuniões onde desfilam egos inflados. Não tolero gabolices. Inquieto-me com invejosos tentando destruir quem eles admiram, cobiçando seus lugares, talentos e sorte.Já não tenho tempo para projetos megalomaníacos. Não participarei de conferências que estabelecem prazos fixos para reverter a miséria do mundo. Não vou mais a workshops onde se ensina como converter milhões usando uma fórmula de poucos pontos. Não quero que me convidem para eventos de um fim-de-semana com a proposta de abalar o milênio.

Já não tenho tempo para reuniões intermináveis para discutir estatutos, normas, procedimentos parlamentares e regimentos internos. Não gosto de assembléias ordinárias em que as organizações procuram se proteger e perpetuar através de infindáveis detalhes organizacionais.

Já não tenho tempo para administrar melindres de pessoas, que apesar da idade cronológica, são imaturos. Não quero ver os ponteiros do relógio avançando em reuniões de “confrontação”, onde “tiramos fatos à limpo”. Detesto fazer acareação de desafetos que brigaram pelo majestoso cargo de secretário do coral.

Já não tenho tempo para debater vírgulas, detalhes gramaticais sutis, ou sobre as diferentes traduções da Bíblia. Não quero ficar explicando porque gosto da Nova Versão Internacional das Escrituras, só porque há um grupo que a considera herética. Minha resposta será curta e delicada: - Gosto, e ponto final! Lembrei-me agora de Mário de Andrade que afirmou: “As pessoas não debatem conteúdos, apenas os rótulos”. Meu tempo tornou-se escasso para debater rótulos.

Já não tenho tempo para ficar dando explicação aos medianos se estou ou não perdendo a fé, porque admiro a poesia do Chico Buarque e do Vinicius de Moraes; a voz da Maria Bethânia; os livros de Machado de Assis, Thomas Mann, Ernest Hemingway e José Lins do Rego.

Sem muitas jabuticabas na bacia, quero viver ao lado de gente humana, muito humana; que sabe rir de seus tropeços, não se encanta com triunfos, não se considera eleita para a “última hora”; não foge de sua mortalidade, defende a dignidade dos marginalizados, e deseja andar humildemente com Deus. Caminhar perto dessas pessoas nunca será perda de tempo.

Soli Deo Gloria

Fonte: Daladier Lima

quinta-feira, 26 de novembro de 2009

quarta-feira, 25 de novembro de 2009

Hollywood dos Crentes

Crente Walt Disney: sempre tem uma história pra contar.

Crente Alien: baba quando fala.

Crente Predador: invisível, mas faz um estrago...

Crente Rambo: ninguém agüenta mais suas missões.

Crente Macaulay Culkin: sempre se esquecem dele.

Crente Magaiver: acha solução pra tudo.

Crente Shakespeare: no púlpito é bom em pregar peça.

Crente Richard Gere: faz apelo até às prostitutas.

Crente Johnny Deep: é pirata, mas agrada o público.

Crente Titanic: é profundo, mas ninguém quer embarcar na dele.

Crente Bergman: é “cabeça”, mas nada popular.

Crente Indiana Jones: faz pose de professor certinho, mas adora uma aventura.

Crente Almodóvar: é sempre um problema para os fundamentalistas.

Crente Harry Potter: chegado numa mágica e se sente O escolhido.

Crente homem-aranha: seu maior poder é amarrar os outros.

Crente Sexto Sentido: está morto e não sabe.

Fonte: Genizah

segunda-feira, 23 de novembro de 2009

O que é Salvação? Entenda em Dois Minutos





De mãos vazias: de obras, de bondade meritória, esvair-se do ego e do desejo de salvar a si mesmo.

De mãos vazias. Tão vazias que sejam capazes de segurar somente a cruz e seguir a Jesus.

De mãos vazias, tão vazias que possam receber a dádiva gratuita, o dom perfeito que é a salvação eterna, que não perece ao tempo.

Ouça esta breve, mas reverberante, mensagem de Paul Washer, e deixe Deus falar ao seu coração. Baixe a guarda e entregue-se a este amor irresistível, a essa graça poderosa que flui da cruz do nosso Salvador.

Fonte: Púlpito Cristão

quinta-feira, 19 de novembro de 2009

Namorar, ficar, paquerar: Cuidado com as ciladas do diabo


O namoro sempre existiu em diversas culturas através dos tempos. É a forma de duas pessoas se conhecerem melhor e, com mais intensidade, alguém com quem se pretende ter um relacionamento sério com vistas ao casamento. Mas, atualmente, para muitos jovens o namoro convencional perdeu status.

Não é de agora, por exemplo, que os jovens usam o termo “ficar”. A expressão surgiu na década de oitenta entre os adolescentes de 13 aos 17 anos que buscavam simplesmente o prazer sem qualquer perspectiva de compromisso. Ou seja, é um comportamento em que os jovens conversam, se beijam, se abraçam e até têm relação sexual, sem nenhuma responsabilidade pós-encontro. Não há nenhum vínculo emocional, afetivo,espiritual e, muito menos, trocas de endereço e telefone.

O ficar é uma armadilha do Diabo

Para o pastor Gilson Bifano, diretor e conferencista do Ministério Oikos (Ministério Cristão de Apoio à Família) esta prática não deve ser seguida pelos jovens cristãos. “Se ele tem um compromisso com Deus e encara o seu corpo, a sua sexualidade, como a Palavra diz, ele não vai ter esse comportamento. Devemos ser diferentes; sal e luz do mundo", enfatiza o pastor. Na visão dele, o “ficar” é uma estratégia de Satanás para minar a pureza moral da juventude, neutralizar seu testemunho, e, posteriormente, estragar seus lares.

O diabo utiliza vários métodos para levar o homem ou a mulher a uma relação sexual fora dos padrões de Deus. A Bíblia diz : “Não vos defraudeis uns aos outros”. Defraudar é passar dos limites da intimidade com uma outra pessoa que não seja o seu cônjuge. O texto declara que o sexo é para ser desfrutado entre o homem e a mulher no contexto do casamento. E o 'ficar', conhecido antigamente como o 'arrocho', é uma fonte de excitação, em que beijos ardentes e carícias em partes íntimas são praticados. Dificilmente, um jovem conseguirá ter uma vida de santidade em um relacionamento passageiro, sem um peso de responsabilidade e compromisso', enfatiza.


A juventude precisa de santidade

Segundo Bifano, há uma grande diferença entre pureza e virgindade, já que alguns adolescentes se guardam para o casamento, mas mantêm outras práticas sexuais. Em contrapartida, existem pessoas que "perdem a virgindade" e, depois de se converterem, se arrependem e evitam a intimidade antes do casamento.

Para o pastor, a juventude cristã precisa repensar a sua atitude em relação ao namoro, ao noivado e ao casamento, não segundo a ótica do mundo que está sem Deus, mas dentro de uma visão bíblica equilibrada. “O tempo todo a televisão, o rádio, os jornais, as revistas, as músicas, as novelas e os filmes veiculam campanhas de incentivo ao sexo com o uso da camisinha. O importante não é ter relação sexual antes do casamento, mas sim a falta do preservativo. Com isso, os jovens estão absorvendo esta visão não cristã da sexualidade. É necessário influenciar mais e ser menos influenciado”, comenta Bifano.


As consequências do ficar”

A proposta do “ficar”é levar esta geração a experimentar um pouco do outro de uma forma leviana. Além de gerar traumas, frustrações, decepções e até uma gravidez precoce. Segundo Gilson, os pais têm uma parcela de culpa nisso, já que muitos não orientam seus filhos. A questão da informação não é só da igreja, nem da escola. O que tem acontecido hoje é que a família tem transferido sua responsabilidade, e o resultado disso é uma vida sexual fora dos parâmetros bíblicos.

Esta tarefa tem que começar em primeiro lugar na família. E os pais devem estar capacitados para que haja um diálogo franco, contínuo e sem tabus. “Três coisas não são faladas muito em família: morte, dinheiro e sexo. Estes assuntos devem ser tratados no lar, de maneira natural, não apenas em forma de sermões, mas em uma conversa natural com os filhos desde cedo, sempre respeitando, é claro, as faixas etárias", alerta Gilson.


O Namoro Cristão

Gilson Bifano acredita que existem princípios para o namoro cristão. E um deles é justamente o não "ficar”. Um relacionamento segundo a visão cristã é um período de conhecimento mútuo, de aprofundamento da amizade. "A intimidade física não é compatível neste período. Ela só deve acontecer, segundo a Palavra de Deus, no contexto do casamento", enfatiza Gilson.

"O texto de Gênesis 2.24 diz: 'Portanto, deixará o homem o seu pai e a sua mãe, e apegar-se-à à sua mulher, e serão ambos uma só carne'. Neste trecho existe uma seqüência. Quando se tem esta experiência de ser uma só carne, antes de se casar, há quebra de princípio bíblico. E isso pode, e tem trazido, muitos problemas", relata o pastor.


A Igreja e seu papel

Na opinião dele, os pastores precisam falar mais sobre este assunto, sem condenação. “A igreja tem que parar de apenas dizer que é proibido, mas também educar. Dar condições aos jovens para que eles não façam o que é condenado pela Palavra de Deus. É necessário um trabalho de conscientização em que a juventude seja esclarecida das conseqüências que advêm da quebra dos preceitos bíblicos. Isso pode ser feito através de palestras, congressos etc.", adverte.


Para os jovens cristãos que estão na moda do ficar, o pastor dá alguns conselhos:

1- Repense no que Deus tem para sua vida.

2- Se está se relacionando indevidamente com alguém, deve reconhecer que esta não é a vontade de Deus e parar com tal atitude.

3- Deus perdoa nossos pecados. Ele morreu na cruz para perdoar os erros da humanidade. E, com certeza, a partir deste reconhecimento, Deus vai honrar e abençoar os seus caminhos.


Fonte: Elnet

terça-feira, 17 de novembro de 2009

Vídeo no Discovery do Pastor Marcos Pereira

O Pr. Marcos Pereira da Silva, líder da Assembléia de Deus dos Últimos Dias e conhecido após reportagem no Fantástico sobre suas pregações em bailes funks e sua ação resgatando reféns de traficantes em favelas do Rio de Janeiro apareceu no Discovery Channel há algumas semanas.

Foi destaque no programa Rituais de Fé. Segundo o site do programa: Rituais é um programa que descreve sem preconceitos as diferentes religiões e crenças do mundo, em busca de um claro entendimento de quem somos enquanto raça humana.

O vídeo mostra sua pregações em meio a celas superlotadas de presos e também mostra o apresentador do programa caindo possesso de demônios.





Leia breve biografia do Pr. Marcos retirada em seu site oficial



Brasileiro, natural do Rio de Janeiro, nascido em 29 de novembro de 1956, filho de Creuza Pereira da Silva e Armando Marinhos dos Santos, casado com Ana Madureira da Silva e pai de Nívea Madureira da Silva e Filipe Madureira da Silva. Marcos é o terceiro de oito irmãos, nasceu em berço espírita, de classe média, e ainda bem novo começou a trabalhar e a conhecer o “mundo”. Sua profissão durante muito tempo foi a de maître de restaurante na zona sul do Rio de Janeiro. Tempos depois foi proprietário de um restaurante na Baixada Fluminense.

Neste período, vivia totalmente envolvido nas noitadas, bebedeiras e prostituição. Fazendo também parte assiduamente da torcida organizada do Flamengo, em seu vocabulário de cada 10 palavras 9 eram palavrões. Em 1974 conheceu sua esposa e em 1982 tiveram a primeira filha, Nívea. Depois de 2 anos do nascimento de Nívea, decidiram se casar, assumindo um compromisso diante de Deus e dos homens. Mesmo assim, continuou a viver longe dos caminhos de Deus, pois ele sempre foi muito incrédulo e contra os crentes.

Porém, Marcos tinha um amigo de trabalho chamado Araújo de Carvalho, que sendo crente e dando um bom testemunho de sua vida, orou por Marcos durante aproximadamente 7 anos.
Um trabalho muito sábio e constante. E foi assim que no momento de Deus, este homem foi usado para levar Marcos a conhecer Jesus, pois seu amigo Araújo sabia que quem convence e converte o homem é o Espírito Santo.

Aos seus 33 anos, Marcos teve uma experiência muito forte com o as hostes espirituais da maldade, sendo revelado por Deus que Satanás se apresentaria para ele. Muitos acharam que era loucura, mas como os espirituais a tudo discernem, seu amigo Araújo foi usado por Deus para efetuar uma oração e, então, o diabo foi embora. A partir daí, aquele que não acreditava em Deus passou a buscar conhecê-lo.

Em uma noite de segunda-feira, no ano de 1989, este amigo sabiamente o convidou para ir a um teatro. Chegando lá, era realizado um culto de louvor e adoração a Deus, onde o Pastor Silas Malafaia trouxe uma linda e poderosa mensagem da Palavra de Deus a qual, pela vontade divina, era exatamente uma revelação de tudo o que Marcos vivia. E foi assim que seu amigo o conduziu para um culto onde ele ouvindo a Palavra de Deus, foi tocado diretamente em seu coração se entregando assim a Cristo e sendo curado de todas as enfermidades físicas e espirituais. A partir daí, sua vida foi radicalmente transformada e Marcos começou a dedicar sua vida à obra de Deus, negando todas as coisas do velho homem e nascendo uma nova criatura.

No dia 24 de junho de 1989, Marcos foi batizado nas águas e a partir daí começou cada vez mais buscar a Deus e se aprofundar em Sua Palavra, desenvolvendo-se e entregando-se de modo pleno aos trabalhos espirituais, cumprindo assim o mandamento deixado por nosso Senhor Jesus: “Ide!”, até que, em uma noite de quinta-feira, no dia 20 de julho do mesmo ano, na cozinha de sua casa, em um encontro de irmãos cristãos, Deus o selou com o Espírito Santo e ele recebeu dom de falar em Línguas e o dom da Profecia. E Deus para completar as vitórias, concedeu a sua esposa Ana, que era condenada a não ter mais filhos, seu filho Filipe.

Iniciou-se assim um grande ministério em sua vida. Primeiro foi ungido evangelista e assumiu o cargo de vice-presidente da Igreja Assembléia de Deus dos Últimos Dias. Deus o convenceu ao amor ao próximo de uma forma muito especial e isso o fez empenhar-se no trabalho de evangelização nos cárceres, trazendo muitas almas carentes para o Reino de Deus.

Em muito pouco tempo, foi eleito por Deus e por todos os membros da igreja como Pastor Presidente da Assembléia de Deus dos Últimos Dias. Seu ministério como pastor foi consolidado, abrindo mão de sua vida para ouvir e exercer o chamado de Deus, levando o evangelho a toda criatura, cumprindo o grande mandamento “Amarás o Senhor teu Deus, de todo o teu coração, de toda tua alma, e de todo o teu entendimento: e amarás a teu próximo como a ti mesmo” Mateus 22:37. Abrindo assim as portas de sua casa para abrigar os destituídos da sociedade, recuperando-os e restituindo-os, ensinando a Palavra de Deus.

O Pastor Marcos iniciou seu trabalho com a igreja nos presídios em 1990, no Presídio de Segurança Máxima, na Ilha Grande. Hoje o Pastor já atua em todas as penitenciárias do Rio de Janeiro e em outros estados do Brasil, tendo milhares de ex-detentos totalmente recuperados.

O Pastor Marcos é também conhecido como um grande mediador de conflitos por ajudar o Estado a por fim em mais de 10 rebeliões em presídios. Como na Casa de Custódia em Benfica no Rio de Janeiro, em maio de 2004, onde o Pastor a convite do Governador Antony Garotinho pôs fim a três dias de rebelião, salvando centenas de pessoas que estavam como reféns.

A Igreja Assembléia de Deus dos Últimos Dias prega a Palavra de Deus não só em presídios, mas também em favelas, hospitais, lares, creches e em toda camada social, não tendo distinção de cor, raça ou posição social, levando ao mundo que Jesus tem todo poder de libertar o homem dos vícios, do tráfico e da prostituição. O Pastor Marcos acredita na recuperação do homem através do poder de Deus, que faz do homem uma nova criatura.

segunda-feira, 16 de novembro de 2009

Espada "Apostólica" Matadora de Gigantes


Virou moda em parte da igreja evangélica brasileira a expressão apostólica. Isto porque, tudo que se faz em tais igrejas é com ênfase apostólica. A oração é apostólica, o jejum é apostólico, a pregação é apostólica, a unção é apostólica, o casamento, os filhos, as ofertas, os dízimos, absolutamente tudo é apostólico. A mais recente manifestação "apostólica" é a espada de Davi com poder apostólico para derrotar gigantes, a qual pode ser comprada pela bagatela de R$500,00. (http://matadordegigantes.blogspot.com/)

Pois é, as praticas litúrgicas por parte da igreja evangélica brasileira fazem-nos por um momento pensar que regressamos aos tenebrosos dias da idade média, até porque, nesses dias, como no século XVI a mercantilização da fé, bem como a manipulação religiosa por parte de pseudo-apóstolos, se mostram presentes. Nessa perspectiva, as bênçãos de Deus não são frutos de sua maravilhosa graça, mais sim, conseqüências diretas de uma relação baseada na troca ou no toma-lá-dá-cá. Neste contexto, tudo é feito em nome de Deus e pra se conseguir a benção é absolutamente necessário pagar e pagar alto!

Por favor, responda sinceramente: Qual a diferença da oferta extorquida do povo sofrido nos dias atuais pra venda das indulgências da idade média? Qual a diferença dos utensílios vendidos no século XVI, para os que comercializados em nossos templos nos dias de hoje?

O que me chama atenção, é que a igreja evangélica brasileira diante de tanta sandice ainda advoga a causa de que estamos vivendo momentos de um genuíno avivamento. Outra vez lhe pergunto: Será? Que avivamento é esse, que não produz frutos de arrependimento? Que avivamento é esse que não muda o comportamento do crente? Que avivamento é esse que não converte o coração do marido a esposa e vice-versa? Que avivamento é esse que dicotomiza a relação entre pais e filhos? Que avivamento é esse que relativiza a ética?

Como já havia escrito inúmeras vezes não agüento mais a efervescência da graça barata, o mercantilismo gospel, a banalização da fé. Infelizmente, Sou obrigado a confessar que fico impressionado com alguns devaneios por parte do povo evangélico, até porque, no quesito criatividade alguns dos nossos irmãos têm conseguido se superar. Com dor no coração sou obrigado a confessar essa gente não têm pregado o evangelho do reino. Antes pelo contrário, o evangelho o qual estes têm pregado é humanista, megalomaníaco e patológico.

Caro leitor, ser protestante, não é somente se identificar com o protesto feito pelos reformadores contra a corrupção eclesiástica e o falso ensinamento católico do século XVI; é muito mais do que isso. Ser protestante, é viver debaixo de um avivamento integral, é resgatar os valores indispensáveis a fé bíblica através da Palavra, é proclamar incondicionalmente a mensagem da graça de Deus em Cristo Jesus.O lema "Eclésia reformata, semper reformanda", deveria estar sempre ressoando em nossos ouvidos e corações, desafiando-nos à responsabilidade de continuamente caminharmos segundo a Palavra, sem nos deixarmos levar por ventos de doutrinas e movimentos que tentam transformar a Igreja de Cristo, num circo eclesiástico, nas mãos de líderes inescrupulosos, que manipulam o povo ao seu bel prazer, tudo isso em nome de Deus!

Que Deus tenha misericórdia da sua igreja! Maranata, Senhor Jesus!

Fonte: Renato Vargens

sexta-feira, 13 de novembro de 2009

Nossos Filhos na Igreja


A criança é a Igreja de hoje, e não a Igreja de amanhã como fomos ensinados. Podemos ter como exemplo o rei Josias que com oito anos de idade começou a reinar; e a Bíblia diz que "Fez o que era reto aos olhos do Senhor".(II Reis 22:2)

A Palavra de Deus diz: "Deixai vir a mim os pequeninos e não os impeçais, porque dos tais é o Reino de Deus." (Lucas 18:16)

Como podemos impedir uma criança de ir ao Senhor?

1º Não levando-a ao culto - queridos, não deixem seus filhos em casa nos dias de culto. No início pode ser difícil para eles ficarem quietos, mas com o tempo eles aprenderão a amar ao Senhor e a reverenciá-lo.

2º Não ensinando o caminho que eles devem andar - não devemos achar que nossos filhos são novos demais para aprender, devemos inculcar neles a Palavra de Deus. Inculcar no hebraico significa costurar no coração.

3º Não tenha um tempo de oração com eles, adoração e louvor ao Senhor.
Ensine-os o caminho da adoração - da boca dos pequeninos sai o perfeito louvor. Adore ao Senhor junto com seus filhos; tenha um tempo de oração com eles, adoração e louvor ao Senhor.

Os discípulos tentaram impedir as crianças de chegarem até Jesus, mas os pais que as levaram até Ele, sabiam que se Ele as tocasse a vida delas seria transformada e Jesus queria tocá-las e abençoá-las. E esse é o desejo de Jesus para nossos filhos: tocá-los e abençoá-los.

quarta-feira, 11 de novembro de 2009

Vocação para ser Rabugento

O técnico do Palmeiras, Muricy Ramalho é nacionalmente conhecido pelo seu mal humor. Toda vez que concede uma entrevista coletiva, independente se o seu time perdeu ou não, ele sempre responde aos jornalistas de forma mal-humorada e rabugenta. Muricy ficou conhecido pela sua rabugice e intolerância demonstrando com isso que nunca está de bem com a vida.

Caro leitor, por acaso você já percebeu que nossas igrejas estão repletas de pessoas rabugentas? Pois é, em nossas comunidades cristãs encontramos uma multidão de individuos mal-humorados, que murmuram por tudo, reclamando de tudo fazendo cara feira.

Ora, ninguém gosta de se relacionar com um rabugento, nem tampouco daquele que vê defeito em todas as coisas. Como já escrevi anteriormente , os rabujentos atraem para si, sentimentos adversos daqueles que com ele se relaciona, levando-os a impressão de que estão sozinhos e isolados neste “mundo cruel”. Junta-se a isso o fato de que alguns destes, são assombrados por fantasmas inexistentes os quais os levam a uma vida esquizofrênica e adoecida.

Infelizmente pessoas que desenvolvem este tipo de comportamento não aceitam criticas, sentem-se ofendidas quando suas opiniões são contrariadas, além obviamente de nutrirem a alma de julgamentos descabidos e preconceituosos.

Creio que somente o poder de Cristo e do evangelho pode mudar tais pessoas transformando-as em indivíduos mais bonitos, plenos e felizes. Para tanto, torna-se indispensável que haja no coração daquele que sofre deste mal uma abertura ao Espírito Santo, reconhecendo prioritariamente sua patologia bem como a necessidade de mudança imediata de comportamento.

Pense nisso!

Fonte: Renato Vargens

terça-feira, 10 de novembro de 2009

Dez Mandamentos para as Esposas



1. Aprenda o verdadeiro significado do amor.

2. Desista de seu sonho de um casamento perfeito e lute por um bom casamento.

3. Descubra as necessidades pessoais de seu marido e tente satisfazê-las.

4. Abandone toda a dependência de seus pais e toda crítica aos parentes dele.

5. Faça elogios e mostre apreciação, em vez de procurá-los para si.

6. Abandone a tendência de ser possessiva ou ciumenta.

7. Cumprimente seu marido com afeto, em vez de fazer reclamações e exigências.

8. Vença o complexo de princesa (Cinderela).

9. Abandone toda esperança de mudar seu marido através de críticas ou ataques.

10. Ore por paciência.

Veja também:
Eliminando o stress no casamento

segunda-feira, 9 de novembro de 2009

Universal quer Patrocinar Seleção Brasileira


Igreja Universal do Reino de Deus estuda disputar vaga como patrocinadora da seleção brasileira na Copa do Brasil em 2014. De olho no grande crescimento no número de evangélicos, que debandam de outras religiões, como o catolicismo e os cultos afro-brasileiras, a Igreja quer ganhar novos fiéis.

Especialistas da IURD afirmam que esta é uma chance imperdível.“- É uma oportunidade de crescermos e expandirmos nossas igrejas de forma espetacular. Tenho fé de que tudo dará certo!”, empolga-se o bispo Josias Norato, que também é assessor jurídico da igreja. O braço de telecomunicações da IURD, a Rede Record, é entusiasta da empreitada.

“A Rede Record apoia a ideia. De acordo com nossas projeções, chegaremos em 2014 bem perto da liderança de audiência. Com o apoio da IURD, teríamos muita visibilidade internacional.”, afirma Renato Quiroga, assessor de imprensa da Record.O presidente de honra da IURD, Bispo Edir Macedo, ainda não se pronunciou sobre o plano. Macedo não é legalmente presidente da Record, mas, pela IURD, é um dos maiores doadores do canal de televisão.


NOTA:
Recebemos um email de Cinthia Meibach, que se diz Assessora de Imprensa da IURD, dizendo: "A igreja não tem nenhum bispo Josias Norato, conforme citado na matéria, e nem pretende patrocinar a seleção."

sexta-feira, 6 de novembro de 2009

Óleo de Unção em Spray

Acreditem meus amigos!

"O Aroma Gospel é uma empresa que nasceu com um sonho de ter produtos de ótima qualidade e excelência para atender ao público evangélico. Nesta entrevista a Bispa Ana Almeida, SNT do Rio de Janeiro, descreve como surgiu a idéia, ao lado das sócias: pastora Alda Célia e Neuzi Pantera, do lançamento deste óleo abençoado e também explica que uma das primeiras providências da nova empresa é criar um aroma (spray) que irá perfumar todas as igrejas Sara Nossa Terra do Brasil e exterior.

A idéia

Quando a pastora Alda Célia voltou de Israel, ano passado, o que mais me impressionou foi que estávamos buscando um óleo que tivesse boa qualidade, um ótimo aroma e que acreditamos que representasse a unção. Ela trouxe um óleo de ótima qualidade e tivemos todo o cuidado nos detalhes, como por exemplo em fazer uma embalagem bonita e prática através do spray. É uma coisa prática para que a pessoa ficasse com aquele aroma lembrando da unção.

Mercado Evangélico

Porque não consumir produtos que saibamos da procedência debaixo de todos os conceitos bíblicos? E também a empresa nasce onde colocamos Deus como nosso sócio, ou seja, 10% da empresa pertence a Ele. Nosso sonho é ser uma empresa modelo e as pessoas verão que é possível ter um negócio cumprindo todas as leis e ser abençoado.

Aroma Sara Nossa Terra

Nossa primeira providência agora será trabalhar em cima do aroma que irá perfumar as igrejas. Já que a Sara Nossa Terra está com este projeto de padronizar o visual, vamos trabalhar em cima de um spray que possa ser colocado no ambiente. Como todos estão gostando do cheiro da mirra, pois é forte e ao mesmo tempo suave, estamos pensando em tornar o cheiro da mirra a nossa essência. E todos que entrarem na Sara Nossa Terra irão sentir o cheiro da unção.

Conceito de adoração

Quando montamos a empresa estávamos pensando em que produzir, pois a Alda tem uma abrangência muito grande no Brasil. Queríamos divulgar um produto que não deixasse de trazer um conceito de adoração. Inaugurar a empresa com este óleo teve um significado muito grande para nós. Pois estamos em busca desta unção de adoração e as pessoas irão poder ficar com aquele cheirinho gostoso.

Fonte: Site Oficial Sara Nossa Terra, via Púlpito Cristão

quinta-feira, 5 de novembro de 2009

Voz da Verdade e Calypso Juntos

O Voz da Verdade foi convidado para participar da gravação do DVD de 10 anos da Banda Calypso, cantando uma música gospel chamada ‘Um novo Ser’ composta pelo Chimbinha.

Dentre todos os nomes da música gospel, o Voz da Verdade foi o escolhido, visto que Chimbinha , Joelma e toda a sua família são fãs há muito tempo , e quando participavam na igreja sempre cantavam as músicas do grupo.

As quatro atrações convidadas do show que será gravado em Recife no dia 06 de novembro de 2009 são: Voz da Verdade, Zezé di Camargo e Luciano, Bruno e Marrone e Fagner. Recentemente Joelma, que é evangélica, testemunhou cura de um problema na coluna através de um milagre.

Fonte: Portal Gospel

Opine: é correto grupos evangélicos dividirem o palco com bandas ou cantores seculares?

terça-feira, 3 de novembro de 2009

Casamento Precoce - Consequências


Lendo o blog do Júlio Severo, me deparei com um artigo escrito pela norte-americana Hilary White, intitulado Líderes evangélicos e católicos dos EUA perguntam: Por que adiar o casamento e convidar o pecado sexual e a solidão? Fatalmente fiquei preocupado após ler esse texto, pois é a pura admissão de nossa falência moral.White faz uma apologia do casamento precoce como um meio de evitar os pecados da sexualidade.

É fato que o casamento é um meio de expressar legitimamente os impulsos sexuais. Paulo recomenda aos que “não tiverem domínio próprio” (NRSV) para casarem, pois é melhor do que viver na prática do pecado (I Co 7.9). Mas isso não significa a opção mais apropriada para o cristão. Pois o sublime do homem cristão é ter o domínio próprio, como o próprio Paulo escreveu em outras epístolas (Gl 5.22, Rm 8).

Então, quando evangélicos e católicos fazem uma campanha como essa, simplesmente estão demonstrando a completa fraqueza moral do cristianismo hodierno. Em lugar de promoverem os princípios da moderação e da temperança, os cristãos buscam atalhos nessas campanhas (no mínimo vergonhosa) que atingem a superfície do problema e não a sua raiz. Seria o mesmo que promover a pintura de uma casa condenada pelos alicerces podres.

Casamento não é remédio para sexualidade doentia

Uma leitura apressada do texto de I Co 7.9, desprezando todo o contexto de “mortificação da carne” apresentada no Novo Testamento, leva muitos a acreditarem que o casamento é uma espécie de paliativo para os impulsos sexuais descontrolados. Se assim fosse, não existiria adultério, ou homens casados viciados em toda sorte de pornografia.

O cristão precisa aprender a mortificar a sua carne, cultivar a temperança e assim viver uma vida santa diante de Deus. Se 90% dos jovens evangélicos quebram os laços da castidade, isso é realmente falência moral, mas a solução não está nos remendos, e sim nos princípios bíblicos incutidos no coração do crente. Esse é realmente o caminho mais difícil, porém é correto e digno.

O psicoterapeuta protestante Antônio Tadeu Ayres escreve:


O casamento em idade precoce do jovem, para a preservação de sua pureza sexual
e, em detrimento de sua formação intelectual, constitui apenas uma solução
paliativa e um adiamento do problema, que se manifestará, com consequências
ainda piores, numa idade mais madura [1].

Como não concordar com Ayres? A prática do dia-a-dia nos mostra essa superficialidade do casamento precoce para preservação da sexualidade na juventude.As infelizes consequencias de um casamento imaturo Queira ou não, vivemos em uma sociedade competitiva, que demanda dos jovens esforço e determinação nos estudos e no trabalho. Isso em si não é nenhum mal. O trabalho é dignificante e foi inventado por Deus no Éden (Gn 2.15).

Portanto, precisamos de qualificação profissional e acadêmica. O casamento pode ser um empecilho para um dos cônjuges nesse processo. Será que é bom para um casamento que o casal se veja somente nos domingos, por causa da alta demanda de trabalho e estudo durante a semana? É claro que não. Pior ainda é se o casal já tem um filho. A educação da criança ficará comprometida.Outra questão é que muitos jovens não estão preparados racionalmente e emocionalmente para a grande responsabilidade que é um casamento. Conheço jovens que casaram sem emprego, nem casa própria, nem com os estudos em andamento. Isso é ou não uma grande irresponsabilidade?

Conclusão

Portanto, sejamos prudentes antes de recomendar o casamento precoce. O mais importante é cultivar o fruto do Espírito, tendo uma vida moderada e com domínio próprio. Agora, se o cristianismo contemporâneo está falido em sua moralidade, não é por meio dessa campanha que as coisas resolverão. Isso só mostra até que ponto chegamos!

Autor: Gutierres Siqueira
Fonte:
Teologia Pentecostal
Título Original: Uma Admissão da Falência Moral

Sobre a Marcha


Debaixo do sol e com muito calor, cerca de 3 milhões de evangélicos participaram nesta segunda-feira da Marcha para Jesus, na praça dos Heróis da Força Expedicionária Brasileira, na zona norte de São Paulo. Segundo estimativas da igreja Renascer, organizadora do evento, são esperadas 5 milhões de pessoas até o término da marcha.

Ao som de 36 bandas, os participantes da marcha dançam diversos ritmos, que vão desde o axé e pagode até o rock. Muitos usam sombrinhas para se protegerem do sol, outros aproveitam a sombra das árvores. Até o final da tarde, 88 já haviam sido atendidas no posto médico após passarem mal por conta do calor.

Segundo a balconista Solange Rodrigues, 57, a marcha é um momento de união, que traz paz e alegria. “O esforço [da caminhada] vale a pena, apesar do calor”.
Com um grupo de 70 jovens, Alexandre Fonseca, 22, veio de Valinhos na manhã de hoje e só vai embora quando o show acabar.

Além dos diversos jovens que participam da marcha o evento reúne muitas famílias acompanhadas de crianças, como é o caso de Gisele Santos, 21, que veio com a filha de quatro meses e do marido. Ela saiu de Osasco (na Grande SP) para participar do evento.
De acordo com a Polícia Militar, a caminhada até o local do show foi tranquila e não houve registros de incidentes. O evento reúne diversas igrejas evangélicas de várias denominações e, neste ano, tem como tema “Marchando para derrubar gigantes”.
A 17ª edição do evento acontece após o desabamento da sede da igreja Renascer, no Cambuci (centro de São Paulo), que deixou nove mortos em janeiro deste ano. (Fonte: Discriminação)

O apóstolo Estevam Hernandes que a igreja evangélica no Brasil sofre discriminação e incompreensão. Após participar da Marcha para Jesus, em São Paulo, o apóstolo disse que os evangélicos devem marchar para derrubar os “gigantes da discriminação”.

“O maior gigante que a igreja brasileira tem de derrubar é o gigante da discriminação, da incompreensão e, principalmente, do estereótipo que lamentavelmente a sociedade como um todo crê naquilo que não é verdadeiro”, afirmou Estevam, em entrevista coletiva, após ser questionado sobre o tema do evento neste ano: “Marchando para derrubar gigantes”.
Na entrevista, Estevam fez questão de afirmar que responderia a perguntas somente sobre a marcha. Sônia não participou da coletiva.

Perguntado sobre as críticas que alguns evangélicos fizeram, durante a marcha, a emissoras de TV que divulgaram reportagens sobre às supostas irregularidades da igreja, Estevam disse que “não ouviu nada” e que os “gigantes da igreja são espirituais”.

Participei da Marcha, chegando lá às 11 horas da manhã. Cantamos, louvamos a Deus, oramos, nos divertimos, vimos pessoas se entregando a Deus em louvor, falando línguas estranhas, e também vi dezenas de pessoas aceitando a Jesus após a pregação do Apóstolo Estevam Hernandes. Foi uma benção. Ano que vem tem mais, e quem tiver a oportunidade de ir, não perca!

:: Agradecemos ao número de visitas recorde nesse blog, no dia de ontem! Cobrimos a marcha com transmissão ao vivo! Deus abençoe vocês!!

sexta-feira, 30 de outubro de 2009

Assista a Marcha para Jesus Ao Vivo

No dia 2/11/2009, segunda feira, a Rede Gospel transmitirá a Marcha Para Jesus. Assista abaixo o link da transmisão ao vivo.





Até lá, assista a programação especial com os preparativos.

PARA ASSISTIR A MARCHA PARA JESUS 2010, CLIQUE AQUI

quinta-feira, 29 de outubro de 2009

Marcha para Jesus 2009


A Marcha para Jesus 2009 acontecerá na próxima segunda-feira, dia 2/11/2009, às 10 horas da manhã, da Estação Tiradentes do Metrô e segue em direção à Praça Heróis da Força Expedicionária Brasileira, na zona norte, em São Paulo.

Terá a participação Renascer Praise, Regis Danese, Marcelo Aguiar, Kleber Lucas, Resgate, Tempero do Mundo, Toque no Altar, Katsbarnea, Soraya Moraes, Vaguinho, Ao Cubo, Praise Machine, Mara Maravilha, Noemi Nonato, Mariana Valadão, Dayan de Alencar, DJ Alpiste, Militantes, Banda Gerd, FLG, Cassiane, Talita Pagliarin, RM6, Além do Véu, Carlinhos Félix, Priscilla Alcantara, Denyse Bittencourt, Banda Cusm, Perpétua Aliança, Banda do PA, X-Barão, Prostrados aos teus Pés, Comunhão Plena, Banda Baque, a banda internacional Thirday e muito mais.

Qual será o percurso e horário da Marcha em São Paulo?
A saída acontece às 10 horas da manhã da Estação Tiradentes do Metrô e segue em direção à Praça Heróis da Força Expedicionária Brasileira, na zona norte.

Gostaria de saber se é obrigatório inscrever a caravana, pois eu mesma estou organizando uma com alguns irmãos.
Não é obrigatório fazer inscrição em caravana, mas trata-se de uma forma organizada para grupos de pessoas que vêm juntas à Marcha. Além do que as caravanas concorrem a um prêmio muito legal esse ano, que é uma moto, que pode ser doada ou vendida para reverter a renda para sua igreja. As caravanas também aproveitam o conforto de transporte e estacionamento, já que existe um local autorizado pela prefeitura para estacionar os ônibus, vans e peruas.

Como fazemos para inscrever nossa banda para cantar na Marcha?
As programações são feitas pelas igrejas e líderes participantes e sempre com muita antecedência. O objetivo da organização é contemplar todos os ritmos e estilos musicais, para demonstrar o louvor do povo de Deus, independentemente de sua denominação, como nos ensina o Salmo 150.

É preciso pagar ingresso para assistir aos shows na Marcha?
Não. As apresentações acontecem ao ar livre, na praça Heróis da FEB e são totalmente gratuitas.

Eu queria saber se tem como comprar a camiseta da Marcha para Jesus 2009 pela Internet.
Não. A camiseta pode ser adquirida nas igrejas Renascer em Cristo ou no Bazar Renascer, na Avenida Lins de Vasconcelos, 1210. Os endereços das igrejas podem ser consultados no site http://www.igospel.org.br/ no menu “Buscar Igreja”.

Site Oficial: http://www.marchaparajesus.com.br/
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...